Localização Atual

Maior feira agropecuária do Paraná, o Show Rural Coopavel, de Cascavel, voltou a bater recorde de volume de negócios e de público. A edição de 2024 chegou à marca de R$ 6,1 bilhões comercializados. O volume é 22% maior do que os R$ 5 bilhões movimentados na edição de 2023. A edição deste ano também teve recorde de público. Nos cinco dias de feira, circularam pelo Show Rural Coopavel 391.316 pessoas, contra 384.122 de 2023. O público é maior do que a população da quarta cidade mais populosa do Paraná, Ponta Grossa, que tem 358.371 habitantes. “Foi o maior evento da história do Show Rural Coopavel. Pudemos compartilhar com o Paraná, o Brasil e toda a América do Sul esses números fantásticos em que tivemos a participação não só dos produtores rurais, mas também de toda a sociedade, incluindo caravanas da América do Sul e também de outros continentes”, comemora Dilvo Grolli, presidente da Cooperativa Agroindustrial de Cascavel (Coopavel), que organiza o evento.
O governador Carlos Massa Ratinho Junior visitou o Show Rural Coopavel e assinou uma série de financiamentos. Um dos destaques foi a assinatura de contratos do Banco do Agricultor Paranaense e do programa Trator Solidário, que beneficiam pequenos produtores rurais, responsáveis por aproximadamente 45% da produção bruta do Paraná. As cooperativas também foram beneficiadas com financiamentos durante o Show Rural Coopavel. Ratinho Junior assinou dois protocolos de intenções do Programa de Apoio ao Cooperativismo da Agricultura Familiar do Paraná (Coopera Paraná). O programa tem objetivo de fortalecer as cooperativas para melhorar a competitividade e a renda dos agricultores familiares paranaenses, com foco em agroecologia e agricultura orgânica. De 2019 a 2023, o programa investiu R$ 72,5 milhões, beneficiando 101 cooperativas e 66 associações a partir de 215 projetos.
O Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) liberou R$ 621,5 milhões para investimentos no agronegócio. O montante atende desde as principais cooperativas do Paraná até pequenos produtores rurais que poderão aumentar a produtividade em suas propriedades. Os financiamentos são, principalmente, para ações de inovação no agronegócio. Desse montante, R$ 617 milhões são apenas para cooperativas, como a C.Vale, que vai receber R$ 150 milhões. O BRDE e a Secretaria de Estado do Planejamento também assinaram um protocolo para trabalhar de forma conjunta para aprimorar os projetos de Concessão e Parcerias Público-Privadas (PPPs) do Estado, dentro do Programa de Parcerias do Paraná (PAR). O BRDE ainda liberou recursos para Cornélio Procópio, empresas inovadores, e assinou a criação da chamada pública do Fundo Verde. Durante os cinco dias de participação no Show Rural, o BRDE também prospectou novos negócios, fortaleceu suas parcerias com cooperativas e empresas e assegurou seu posicionamento como maior repassador de recursos para linhas de inovação. A equipe técnica estima que o BRDE deve alcançar contratações na ordem de R$ 2 bilhões em todo o Paraná.
Veja mais notícias sobre AgronegócioNegócios do SulParaná.
Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://amanha.com.br/

source

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigado!

Recebemos sua mensagem com sucesso e nossa equipe entrará em contato em breve.