Localização Atual

Notícias
COMÉRCIO EXTERIOR
Estado somou US$ 138 milhões em vendas para o exterior. Resultado foi impulsionado pelo setor de carnes, principalmente a bovina
Em janeiro, o Pará liderou as exportações brasileiras do agronegócio no Norte do país, com um montante de US$ 138 milhões. O valor representa um aumento de cerca de 5% nas vendas externas do estado em relação ao mesmo período do ano anterior. O levantamento foi realizado com base nas informações do sistema Agrostat, do Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa). 
O principal destaque no Pará foi o setor de carnes, que teve 42,85% de todas as exportações do agronegócio do estado, em janeiro, com um montante de US$ 59,1 milhões. Principalmente a carne bovina, que sozinha foi responsável por quase a totalidade, com US$ 58,4 milhões. Na sequência, estão as vendas externas do setor de produtos florestais, com US$ 16,5 milhões. 
As exportações do agronegócio no Norte brasileiro somaram US$ 379,5 milhões em janeiro de 2024. Neste contexto, as principais vendas externas são dos setores de carne (US$ 189 mi); cereais, farinhas e preparações (US$ 47,5 mi); e complexo soja (US$ 31,6 mi). Os três principais da região, depois do Pará, são: Rondônia (US$ 123,5 mi); e Tocantins (US$ 72,8 mi). 
Em todo o Brasil, as exportações de produtos do agronegócio foram de US$ 11,72 bilhões em janeiro de 2024. Um valor recorde para o histórico do mês, com alta de 14,8%, o que equivale o incremento de US$ 1,51 bilhão em relação a janeiro de 2023.
 Dados Agrostat - Divulgação/Mapa
As exportações brasileiras do agronegócio bateram recorde em 2023, atingindo US$ 166,49 bilhões. A cifra foi 4,8% superior em comparação a 2022, o que representa um aumento de US$ 7,62 bilhões. Dessa forma, o agronegócio foi responsável por 49% da pauta exportadora total brasileira em 2023. No ano anterior, a participação foi de 47,5%.  
Os setores do agronegócio que mais exportaram foram: complexo soja (US$ 67,3 bi); carnes (US$ 23,5 bi); complexo sucroalcooleiro (US$ 17,4 bi); cereais, farinhas e preparações (US$15,5 bi) e produtos florestais (US$14,3 bi). Em conjunto, esses setores destacados representaram 82,9% das vendas do setor em 2023. 
Informação à imprensa
Igor Mesquita
imprensa@agro.gov.br

source

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigado!

Recebemos sua mensagem com sucesso e nossa equipe entrará em contato em breve.