Localização Atual


Nesta terça-feira (2), o dólar comercial chegou a ser vendido a R$ 5,70, mas terminou o dia cotado em R$ 5,66. Lula faz novas críticas ao BC e dólar bate nos R$ 5,70, mas fecha em R$ 5,66
O dólar comercial chegou a ser vendido nesta terça-feira (2) a R$ 5, 70, mas terminou a terça cotado em R$ 5,66.
O dia começou com novas críticas do presidente Lula aos juros, ao presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, e ao mercado financeiro. Em uma entrevista à Rádio Sociedade, de Salvador, ele disse que há um jogo de interesse especulativo contra o real e que o governo vai se reunir nesta quarta-feira (3) para fazer alguma coisa.
Campos Neto estava reunido com presidentes de outros bancos centrais em Portugal. E, ao ser indagado sobre essas críticas, afirmou que a decisão do Comitê de Política Monetária de interromper a redução dos juros não se deveu somente à inflação, mas ao que chamou de “ruídos”, expectativas sobre o rumo da política fiscal. Ou seja: o comportamento do governo em relação ao que arrecada e ao que gasta.
No fim da manhã desta terça, o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, declarou que o tema da reunião governamental desta quarta é a agenda fiscal. O ministro negou que o governo pretenda reduzir o I-O-F cobrado em operações de câmbio como uma forma de segurar a cotação do dólar. E disse que, para esse objetivo, o que se pode fazer é melhorar a comunicação em relação à autonomia do Banco Central e ao compromisso com o equilíbrio das contas públicas.
Real perde valor em dia com novos ataques de Lula ao mercado, aos juros e ao presidente do BC
Reprodução/TV Globo
source

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigado!

Recebemos sua mensagem com sucesso e nossa equipe entrará em contato em breve.