Localização Atual

Cidades Segunda-feira, 06 de Maio de 2024, 18:51 A | A
Segunda-feira, 06 de Maio de 2024, 18h:51 A | A
EXEMPLO PARA O MUNDO
Assessoria
Assessoria
O Circuito Aprosoja chegou no município de Cláudia e desta vez, estudantes do 1º ano do Ensino Médio da Escola Estadual Pedro Bianchini, da cidade de Marcelândia, conheceram mais sobre o agronegócio, durante a palestra do biólogo Richard Rasmussen. O evento é promovido pela Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT) e ocorreu nesta segunda-feira (06.05) e também teve a presença de diversos agricultores.
Durante o discurso, o biólogo garantiu que o Brasil preserva significativamente mais território que outros países. “No Brasil nós temos as unidades de conservação, você vê que a Amazônia é tomada por unidades de conservação, que somam 30,2% do total de nosso território. Se comparado com outros países, você vê que o Brasil protege mais do que qualquer outro país em unidade de conservação. A China protege 17,7%, os Estados Unidos 11% e a Rússia 9,7%, conforme dados da Embrapa”, afirmou.
– FIQUE ATUALIZADO: Entre em nosso grupo do WhatsApp e receba informações em tempo real (clique aqui)
– FIQUE ATUALIZADO: Participe do nosso grupo no Telegram e fique sempre informado (clique aqui)
Passando para o estado de Mato Grosso, por meio do projeto Guardião das Águas, a Aprosoja-MT vai ao encontro com a fala do biólogo e mostra que a agricultura mato-grossense preserva suas propriedades. Com o Guardião é possível verificar que a maioria das nascentes do estado encontram-se moderadamente ou totalmente preservadas. 
Além disto, em Mato Grosso apenas 13,3% do território mato-grossense é destinado à agricultura, é o que garante o levantamento feito em conjunto pela Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai), Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) e a Secretaria de Estado de Meio Ambiente.
A diretora da escola, Elaine Moura Neri, contou que é importante que os estudantes tomem conhecimento sobre os dados, pois muitos podem crescer ouvindo mitos sobre o agronegócio. Pensando nas pessoas que desconhecem como o agronegócio é fundamental para a sociedade, a palestra do biólogo teve o intuito de justamente desmistificar circunstâncias sobre a agricultura.
“Trouxemos nossos estudantes para uma troca de experiência e para mostrar a eles a importância do agronegócio na nossa região. Hoje muitas pessoas tem uma visão de que o agronegócio destrói e desmata, quando na verdade não é isso e a gente precisa mostrar para essas crianças que Mato Grosso promove uma agricultura sustentável”, disse.
O delegado coordenador do Núcleo da Aprosoja-MT em Marcelândia, Alexandre Falchetti, foi o responsável por mobilizar a escola. Falchetti também foi na mesma linha da diretora, afirmando que os agricultores produzem com sustentabilidade o país.
“Os agricultores são considerados os vilões, porém durante a palestra ficou claro que nós contribuímos com o desenvolvimento do país”, encerrou.
TRAGÉDIA NO TRÂNSITO
MOMENTOS DE TERROR
IMPRUDÊNCIA FATAL
EFEITO DAS CHUVAS
CHUVAS NO SUL
(65) 99830-1111
[email protected]
Rua Capitão Iporã n 50 Bairro Pico do Amor
Cuiabá / MT – 78.065-090

source

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Obrigado!

Recebemos sua mensagem com sucesso e nossa equipe entrará em contato em breve.